história
Grandes jogos

Blackpool x Bolton: a coroação de Sir Matthews

2013/02/13 18:22
Texto por João Pedro Silveira
l0
E0
A final da Taça de Inglaterra de 1953 foi muito mais que um jogo de futebol. Naquele solarengo 2 de maio de 1953, no Estádio de Wembley cheio, cem mil pessoas presenciaram a glorificação do maior herói futebolístico que a Inglaterra ja conhecera. Na bancada, a nova monarca presenciava o jogo, reafirmando um sentimento de esperança no futuro que a Inglaterra do pós-guerra procurava. 

Em casa, o resto do país assistia via BBC à primeira transmissão em direto de uma final da FA Cup, colado ao ecrã, sem querer perder um momento da partida, acompanhando cada incidência e festejando no fim a vitória de Stanley Matthews, o herói humilde, um exemplo do «working class hero» que tanto agradava as audiências inglesas, um autêntico herói nacional, acabou por conquistar a medalha de vencedor de uma competição que era - e ainda é - uma verdadeira instituição nacional, tão reverenciada como a própria monarquia.

Quando o árbitro apitou para o final do encontro o futebol destronava o críquete como o desporto mais adorado no país. Stanley Matthews enfeitiçara a Inglaterra. 

It was a match where a national hero,
Stanley Matthews, finally won a winner’s medal for a competition that itself was a
national institution.
Antecedentes

Apesar de Stan Mortensen apontar um hattrick  na partida - o único conseguido no Estádio de Wembley -, a final da Taça de Inglaterra em 1953 ficou conhecida como a «Final de Matthews». A sua exibição de luxo, ficou na memória dos fãs, que passado décadas ainda lembravam o dia em que o «Mago de Hanley» levou a sua equipa às costas, para conquistar finalmente o primeiro grande troféu da carreira. 

O Blackpool fora sétimo, o Bolton décimo quarto, num campeonato ganho pelo Arsenal - com os mesmos pontos do Preston North End - e a expectativa era grande, pois Stanley Matthews, o grande craque do futebol inglês, chegava pela terceira vez ao grande jogo (1), sempre com a camisola do Blackpool. Por sua vez, o Bolton já vencera a competição em três ocasiões (2).
 
A fama de Matthews era tal, que os bilhetes para a final esgotaram antes do tempo, com a multidão expectante com a possibilidade do «mago» conquistar o seu primeiro grande troféu da carreira, contava então 38 anos. 100 mil acotovelaram-se nas bancadas do mítico palco do futebol inglês, aguardando pela magia de Matthews. No camarote real, a monarca Isabel II assistia ao seu primeiro jogo de futebol, um mês antes de ser coroada Rainha de Inglaterra, noutra grande manifestação de unidade, transmitida em direto pela BBC.
 
A entrada de leão do Bolton
 
Numa tarde primaveril, as duas equipas alinhadas no centro do terreno receberam os cumprimentos da monarca. Uns equipados de camisola laranja e calções brancos, outros de camisola branca e calção azul, num belo contraste cromático com o verde imaculado de Wembley, perfilados a ouvir o God Save the Queen, entoado por cem mil gargantas. O espetáculo podia começar...
 
Contra todas as expectativas, Lofthouse colocou o Bolton Wanderers na frente, tinham passado apenas 75 segundos após o apito inicial de B. M. Griffiths. Um remate cruzado de fora de área, batera o guarda-redes que não estava isento de culpas. Os de Blackpool sentiram o toque e a equipa tremeu, acusando o medo de serem vencidos mais uma vez na grande final.
 
Matthews tentou acalmar a equipa, dando asas ao seu reportório de fintas e dribbles, lançando a equipa para a frente, enquanto arrancava aplausos nas bancadas, que explodiram com o empate conseguido aos 35 minutos por Mortensen.
 
Todavia, passados apenas cinco minutos, Bobby Langton isolou-se e picou a bola em balão por cima do desamparado George Farm. Blackpool 1, Bolton 2, a história voltava a complicar-se para Matthews e companhia.
 
Recomeço
 
Quando os seasiders reentraram em campo, com as suas inconfundíveis camisolas laranja, Matthews incentivava as tropas, parecendo ter sempre um gesto ou uma palavra para estimular os colegas. 
 
Após alguns minutos com o Blackpool a pegar no jogo, tentando chegar ao empate, o Bolton reagiu e Eric Bell fez o 1x3 que parecia selar o destino da final. Por momentos tudo parecia perdido para os seasiders, mas Matthews tinha outros planos...
 
 


 
A magia de Matthews
 
Anos mais tarde, o «mago» lembrou que nunca em momento algum duvidou de que no final iria conquistar a vitória, mas por certo, que nos instantes que se sucederam ao golo de Bell, a ideia da derrota deve ter pairado na sua cabeça... Aos 38 anos, por certo que esta era a última possibilidade de conquistar o grande troféu. 
 
Porém, sem dar tempo para o derrotismo ganhar força, Matthews pegou no jogo, começando a fintar adversários atrás de adversários, animando as bancadas e despertando a equipa. Inspirado, avançou pelo terreno e cruzou para a área, onde de cabeça, Mortensen reduzia para 2x3. Faltavam 22 minutos e a esperança renascia. 
 
Depois, com menos de dois minutos para jogar, Mortensen apontou o seu terceiro golo, empatando a partida que ameaçava avançar para o prolongamento. Todavia, Matthews ainda não tinha acabado a sua missão, e dois minutos depois dos noventa, voltou a avançar pela ala, cruzou primorosamente, Mortensen adiantado não conseguiu tocar na bola que sobrou para Bill Parry que fez o 4x3, para explosão de alegria nas bancadas. No meio dos festejos, diz-se que Nat Lofthouse, que estava caído após o lance, levantou-se a aplaudiu o golo, consciente que estava do significado daquele golo.
 
No fim, durante as celebrações, Stanley foi levado em ombros pelos colegas, emocionado e virando a medalha de vencedor para o céu, mostrando ao pai a conquista que um dia lhe prometera conseguir e que só conquistara com improváveis 38 anos.
 
 
 
------------------------------------------------
(1) - Em 1948 perdera a final com o Manchester United e em 1951 com o Newcastle United.
(2) - 1923, 1926 e 1929.
Capítulos
Comentários (0)
Gostaria de comentar? Basta registar-se!
Motivo:
Tópicos Relacionados
Estádio
Wembley Stadium
Wembley Stadium
Inglaterra
Wembley, London
Lotação127000
Medidas-
Inauguração1923