história
Clubes

Montijo

2014/11/06 13:34
Texto por Álvaro Gonçalves
l0
E0
A cidade do Montijo, hoje é futebolisticamente representa pelo Clube Olímpico de Montijo, mas a sua existência é recente, tendo apenas sido fundado em 2007, após a extinção do histórico Clube Desportivo de Montijo, um histórico clube do concelho da Margem Sul Lisboeta, por onde passaram vários jogadores que vestiram a camisola da seleção portuguesa, como os casos de José Neto, Barrigana, João Alves ou Ricardo.

Uma das equipas do CD Montijo na década de 70, a melhor da história do clube
O desaparecimento do clube foi decidido em assembleia geral por causa das enormes dificuldades financeiras, já depois de ter ficado sem estádio porque os terrenos eram propriedade privada e os seus donos decidiram vendê-los.

O triste fim aconteceu em 2007, pondo um ponto final numa história que começou em 1948 e que teve como ponto alto a década de 70, quando durante um breve período, o Montijo foi presença recorrente no primeiro escalão. Portugal vivia os últimos anos da ditadura, quando o clube finalmente conseguiu subir ao primeiro escalão em 1971/72. Depois de anos à sombra dos feitos dos clubes do vizinho Barreiro, o Montijo finalmente via o seu clube entre os «grandes».

Durante esse período, o CD Montijo contou com três participações no principal campeonato do futebol português, tendo a estreia acontecido em 1972/1973 com um 12.º lugar, à frente de Beira-Mar, Atlético, União de Coimbra e União de Tomar. O primeiro jogo foi frente ao Atlético e no mesmo registou-se um triunfo por 1x3. 16 derrotas, nove vitórias e cinco empates foi o registo conseguido na primeira participação.

Na época seguinte a prestação foi mais fraca e o último lugar não engana, tendo como consequência a descida de divisão. O CD Montijo ficou na 16.ª posição com apenas 20 pontos, fruto de 17 derrotas, sete vitórias e seis empates.

A derradeira prestação no principal escalão aconteceu em 1976/1977, já depois da Revolução de Abril. O 14.º posto registado no final dessa temporada voltou a ditar a descida de divisão, mas, ao contrário do que tinha acontecido em 1974, desta vez não era reversível. 14 derrotas, nove empates e sete vitórias foi o saldo do CD Montijo na última prestação na primeira divisão, tendo a despedida acontecido a 29 de maio, com um empate caseiro a dois golos com o Portimonense.

Comentários (0)
Gostaria de comentar? Basta registar-se!
Motivo:
Tópicos Relacionados